Introdução a Fotografia [parte II]

Eu to amando fazer essa Introdução a Fotografia, voltei a ler minhas antigas apostilas, relembrando conceitos e termos que ficaram apenas guardados na teoria e nos papéis. Enfim, vamos ao que interessa:

Profundidade de Campo

Naturalmente, a imagem que pretende fazer vem ainda antes do click, está em sua mente junto com os seus conhecimentos e imaginação. Diante disso, sabendo como quer a sua imagem, você sabe onde será focado e onde será desfocado. Se no caso for uma imagem bastante nítida, é ai que entra a profundidade de campo.

A profundidade de campo, nada mais é do que zonas de nitidez no plano focal da imagem.  Na formação da imagem, o que acontece são os famosos planos focais, primeiro, segundo e terceiro planos, que a câmera consegue focar até dois obejetos em dois planos diferentes com a ajuda da profundidade de campo (coisa que nossos olhos não conseguem). Então sempre haverá uma parte em desfoque, sem nitidez em uma imagem. E tem tudo tem a ver com a distância, com a lente e com a abertura que você estará usando.

Então, vamos as dicas: Quanto maior a abertura do diafrágma, menor a profundidade de campo. Quem fotografou com pinhole nunca esquece que quando menor o furo, maior a nitidez, e o conceito é basicamente o mesmo. Se o valor de F: é maior em f:16, f:22, a profundidade de campo atingida é, com certeza, maior.

Dúvidas e sugestões: helosaraujo@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *