Uma história de luz revelada

Semana passada, uma amiga fofa, a Germana, me mostrou um post que saiu no PetaPixel a notícia de que as primeiras imagens feitas com a técnica de light paint haviam sido reveladas. a prova de que em 1914 o light painting já era reproduzido!

As imagens foram feitas pelo casal americano Frank e Lillian Moller Gilbreth de trabalhadores realizando suas tarefas. Eles usaram a técnicas para fazer os profissionais a entenderem melhor a movimentação dos seus serviços (quase que auxiliando em Tempos Modernos).

A técnica hoje é bastante usada tanto para fins artísticos como fins comerciais, a fotografia contemporânea deixa todo e qualquer fotógrafo “livre” para clickar como quiser (falando de técnicas), e o light painting faz parte delas. Em pensar que a mesma já era tal e qual reproduzida em 1914, dá uma vida e uma base tão forte, né?

Muitos conseguiram unir o light painting ao stop motion, fazendo animações com luzes, o que é muito legal, uma linda união. E tem de diversas formas no nosso queridinho youtube.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=2mpDz1pZPvU&w=560&h=315]

Outros, usam o light painting para iluminar o corpo, como uma luz secundária. A Rafalea Eleutério, uma grande amiga e brilhante fotógrafa (que inclusive está me matando de saudade) desenvolveu o projeto “Desenha-me” (que também foi tema de sua monografia). e tratava justamente disso, do uso da técnica de light pianitng para iluminar o corpo, como luz secundária. Genial.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=yZDRyg1spxM&w=560&h=315]

Rafinha, mata a amiga de orgulho.

Uma ótima quarta a todos! 😉

Fonte: PetaPixel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *