Conheça a Fotografia mais cara do mundo do autor Peter Lik

A Fotografia mais cara do mundo batizada como Phantom (fantasma) do fotógrafo australiano Peter Lik acaba de ser vendida por R$ 16,9 milhões (US$ 6,5 milhões) – é dinheiro que não acaba mais – para um colecionador que prefere não ter a sua identidade revelada, mas acabou comprando mais duas fotografias do Lik, uma intitulada Illusion por US$ 2,4 milhões e outra com o título Eternal Moods por US$ 1,1 Milhão. E você achando que não dava para ganhar dinheiro com fotografia?

foto-mais-cara-tnf

Phantom, a fotografia mais cara do mundo

Peter Lik, conhecido pelas suas fotografias de natureza, dificilmente fotografa em P&B, e nesse caso, foi o seu olhar que decidiu que a Phantom, a fotografia mais cara do mundo, seria em escalas de cinzas e não colorida. Perceba o “fantasma” gerado pelo jogo de sombras e luz dentro do cânion Antelope (Arizona, EUA) a ausência de cor com toda certeza torna a fotografia mais tramática e joga toda a nossa atenção o corpo formado pela luz no centro do cânion. Mérito merecido!

Lik não é um fotógrafo qualquer, além de Phatom, tem mais 3 fotografias muito valiosas, tendo 4 fotografias dentre as 20 mais valiosas do mundo, ficando, em disparada em primeiro lugar. Para clicar a fotografia mais cara do mundo, é claro que ele não é um fotógrafo qualquer, né?

peter-lik

 

Fonte G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *