O menino de Copacabana foi (re)encontrado

A famosa fotografia que ficou batizada como O menino de Copacabana (realizada no reveillon 2018), não só foi capaz de atingir a sensibilidade de muitos espectadores, como também possibilitou muitos textos e interpretações – justamente em uma época em que dizem não conseguir legendar fotografias, onde o efêmero nasce a cada 24horas e morre no mesmo instante em que nasce.

O fotógrafo Lucas Landau fez essa foto, mas não deu tempo de conseguir um contato com o Menino para ao menos anotar seu nome. Mas no momento do (re)encontro, Landau tomou uma atitude muito nobre e resolveu manter a identidade do menino em sigilo. Estamos falando de uma criança que não sabemos da sua história, e o fotógrafo, como responsável por sua imagem nesse momento, resolveu resguarda-lo.

Para a imprensa, Lucas Landau mandou a seguinte mensagem

“Escolhemos manter esse momento privado, assim como a nossa relação. Pedimos que as pessoas e a imprensa compreendam e nos respeitem”, justificou Landau.

Assim como toda obra é inacabada, O menino de Copacabana ainda deve  estar em andamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *